quarta-feira, março 29, 2006

Qual o medo que te persegue?

A vida nas grandes cidades anda muito conturbada, tantos são os medos que carregamos em nossos ombros todos os dias em que saímos de casa. Medo de perder o emprego, de não ter dinheiro para pagar as contas, de não ir bem na entrevista profissional, de bombar na faculdade, de perder o marido (ou vice-versa) ou, então, medo de ser assaltado no farol, do seqüestro relâmpago.
Mas se paramos para pensar, há anos atrás não éramos assim, não vivíamos assim entediados pelo começo de um novo mês ou de uma nova semana (costumamos dizer que, no domingo, após o término do Fantástico, começa o nosso tédio). Não é assim?
Por isso, pare enquanto há tempo! Curta mais a sua vida. Vá a lugares diferentes, dê preferência ao ar livre; pratique esporte; ande com sua mulher (ela vai adorar!). Assuma que você é igual a todo mundo, com tristezas, alegrias, incertezas. Não queira parecer nunca o que você não é, pois a vida vai cobrá-lo mais dia, menos dia.Pense nisso.Muita Paz. por Nelson Sganzerla
Texto completo em: http://somostodosum.ig.com.br/clube/artigos.asp?id=3365&onde=2

2 comentários:

Anônimo disse...

Parabens... gostei muito do seu blog..
marya14276@sapo.pt

Soll disse...

Obrigada. Volte sempre que puder. Bom Final de Semana!!!!